A arte de ser simples

Uma das figuras que mais me inspira como profissional da área de comunicação é a série de litografias “El toro” de Picasso, imagem “master class” em como desenvolver uma obra de arte, do acadêmico ao abstrato. Brilhantemente, Picasso usa da dissecação visual para nos ensinar sobre a arte de transmitir uma mensagem clara por meio da simplicidade. Na figura, traços minimalistas e bem executados passam a mesma natureza da figura original, ao ponto de permitir que qualquer pessoa reconheça, ali, a existência de um touro.


Steve Jobs utilizava a série de litografias do Touro de Picasso para ensinar aos seus colaboradores o poder da síntese que conduzia os projetos da empresa e isso acabou se refletindo no design dos produtos Apple. Por trás do processo da construção do design dos produtos, muita discussão e exposição de ideias eram feitas até que apenas o necessário fosse mantido.


Ser simples exige criatividade e ser criativo é uma habilidade aprimorável que exige persistência e tempo. Picasso mesmo afirmava que desde os 15 anos ele já sabia desenhar como Rafael, mas que precisou de uma vida inteira para aprender a desenhar como as crianças.


Às vezes, a nossa maneira complicada de raciocinar confunde as coisas, deixando-as complexas demais. Construir a habilidade de simplificar o que queremos comunicar é uma das maneiras mais eficazes de cultivar a nossa inteligência e criatividade e, em um mundo de excessos (em todos os sentidos), trabalhar essa técnica pode garantir uma mensagem de mais fácil compreensão, qualidade e destaque.

AGÊNCIA VETTA

BELO HORIZONTE . MG . BRASIL

  • Instagram
  • Preto Ícone LinkedIn
  • Facebook
  • YouTube